Quem venceria numa luta entre Batman e Homem-Aranha?

 Minha amiga Jeanne mora no Canadá, onde trabalha como technical writer, e criou um site chamado ListStudents, para o qual fiz uma pequena ilustração para um artigo sobre perguntas inusitadas em entrevistas de empregos. O ListStudents é um site com dicas sobre como economizar dinheiro na faculdade, como se preparar para entrevista de emprego, entre outras coisas.
A ilustração que fiz foi sobre uma pergunta inusitada feita durante uma entrevista de emprego na Universidade Stanford: “Numa luta entre o Batman e o Homem-Aranha, quem venceria?” Antes de me pedir que fizesse a ilustração, a Jeanne havia feito uma pesquisa de imagens e além de encontrar muitas imagens inapropriadas, percebeu que as demais tinham copyright, o que poderia gerar problemas com os advogados da Marvel e da DC. Então ela me procurou, explicou o que queria e eu fiz essa ilustração parodiando os dois super-heróis. A  Jeanne compartilhou o artigo no Facebook:
batman_vs_spider-man
Anúncios

Sindicato do Crime do Brasil

Nova versão em tamanho maior e melhor resolução do “Sindicato do Crime do Brasil”. Nossos supervilões de Brasília já cometeram falcatruas e desvios de dinheiro público que superam qualquer plano de Lex Luthor, Doutor Silvana e qualquer outro supervilão do multiverso dos quadrinhos. Superam inclusive na megalomania. Será que a Crise é apenas na Terra 171 ou estamos diante de uma “Crise Política e Econômica nas Infinitas Terras”?

crime_syndicate_of_Brazil_cover

 

Sindicato do Crime da Terra 171

Nos quadrinhos, o “Sindicato do Crime” é um grupo de supervilões de um dos vários universos paralelos do Multiverso da DC Comics. Cada membro do “Sindicato do Crime”é a respectiva contraparte de um dos heróis da “Liga da Justiça”. Assim, temos: Ultraman (contraparte do Super-Homem), Owlman ou Homem-Coruja (contraparte do Batman),Super-Mulher (contraparte da Mulher-Maravilha), Johnny Quick ou Relâmpago (contraparte do Flash) e Power Ring ou Anel Energético (contraparte do Lanterna Verde).

Hoje estou postando duas imagens de outro Sindicato do Crime, o da Terra 171, formado por Ultrapetralha, Owl-Cunha, Renan Quick, Superanta e Power Ring Temer.

Uma versão  é para quem defende a cassação da chapa dos atuais presidente e vice-presidente da República, impeachment dos presidentes da Câmara e do Senado mais convocação de novas eleições gerais. A outra versão é para quem  acha que  o atual vice-presidente assumir a presidência é o menor dos males.

 

Objetivos de aprendizagem

Tive a oportunidade de cursar uma especialização em Design Instrucional pela UNIFEI (Universidade Federal de Itajubá). Tomei conhecimento do curso por intermédio de um amigo, o Professor Paulo Gumiero, que conheci no período em que trabalhei na Diretoria de Ensino de Mauá. O Paulo já era aluno do curso e foi ele quem me explicou o que era Design Instrucional, que o curso era “gratuito” (coloco entre aspas,porque apesar de não haver cobrança de mensalidades, por se tratar de uma universidade federal, e cobrar apenas taxas de matrícula para a própria manutenção, devemos nos lembrar que as universidades públicas são mantidas com dinheiro dos impostos pagos pelos cidadãos), como era o processo de seleção etc.

Pois bem, uma das coisas que mais se fala no curso de Design Instrucional é que, quando um professor prepara uma atividade para avaliar se os alunos aprenderam mesmo o que foi ensinado, essa atividade deve ter objetivos claros, ou seja, deve ficar bem claro o que se espera que o aluno seja capaz de fazer. No segundo episódio da primeira temporada do seriado cômico The Community, ambientado numa universidade não muito conceituada, o professor de Espanhol pede uma atividade em dupla, na qual os alunos devem apresentar diálogos breves empregando algumas expressões básicas que eles aprenderam em determinada unidade do livro. Tratava-se de uma atividade simples que permitiria ao professor avaliar rapidamente se os alunos aprenderam ou não. Pois bem, um dos alunos, interpretado pelo excelente comediante Chevy Chase ( que interpreta o aluno mais velho da turma, um sujeito que se divorciou sete vezes) acaba “viajando na maionese” e em vez de um diálogo breve elabora um “épico” no qual fica claro que nenhum dos objetivos de aprendizagem foi alcançado. A apresentação é hilariante. Confira no vídeo a seguir:

A Jararaca de Midgard

É chegada a hora do Ragnarok, o Crepúsculo dos Deuses. As máscaras caíram. Canalhas acuados revelam e assumem sua natureza reptliana. As serpentes são mencionadas em mitos de todas as partes do mundo, do Gênesis na Bíblia aos mitos nórdicos. Como explicar essa coincidência? Cada um oferece sua própria explicação: Carl Gustav Jung, Joseph Campbell e até os defensores de teorias conspiratórias envolvendo extraterrestres reptilianos. No que todos concordam: trata-se de um símbolo para o mal. Quem em sã  consciência se compararia a um símbolo do mal? Como diriam Mick Jagger e Keith Richards:

Pleased to meet you

Hope you guess my name

But what’s puzzling you

Is the nature of my game

thor_jararaca_midgard