Todo colecionador de quadrinhos queria ser um quadrinista?

O Fernando Bedim é  um colecionador de quadrinhos que mora no Paraná. Ele também é o administrador do Central HQs, um vlog que se caracteriza por apresentar resenhas de quadrinhos de maneira descontraída. Um dos vídeos que ele postou é sobre o sonho que muito leitor de quadrinhos tem ou já teve: o de se tornar quadrinista.

Me identifiquei muito com o depoimento que o Fernando apresentou e tenho certeza que outros também se identificarão. Detalhe: apesar de não ser quadrinista profissional, o Fernando trabalha numa área onde a imaginação, a criatividade e o gosto por ler e escrever também são fundamentais. Ele é advogado, formado pela Universidade Estadual de Maringá. E para quem acha que advocacia e quadrinhos não possuem relação alguma, vou citar apenas alguns nomes dos quadrinhos que também se formaram em Direito: Gardner Fox,roteirista que criou uma porção de personagens para a DC Comics (Flash, Senhor Destino, Gavião Negro, Sociedade da Justiça, Liga da Justiça etc); Bill Mantlo ,roteirista que trabalhou para a Marvel nos anos 1970 e 1980, para quem criou os Guardiões da Galáxia e escreveu histórias do Hulk e do Rom; Gedeone Malagola, já falecido roteirista e desenhista brasileiro,  muito atuante nos anos 1960, criador do super-herói Raio Negro, a “versão brasileira do Lanterna Verde”; e o Ziraldo, que dispensa apresentações.

Eis o vídeo que o Fernando postou no Central HQs:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s